Em reunião nesta sexta-feira (18/9), entre as Comissões de Negociação do SINPAF e da Embrapa, a empresa informou que ainda não tem um posicionamento do Ministério da Agricultura sobre a proposta do Acordo Coletivo 2020-2021.

O SINPAF, porém, cobrou que a empresa se posicione definitivamente até a próxima reunião, que será no dia 30 de setembro.

O presidente do SINPAF, Marcus Vinicus Vidal, lamenta a demora na definição do ACT. “A categoria merece respeito e, por isso, os representantes da empresa devem empenhar-se mais para solucionar essa situação que já se arrasta há mais de dois meses”.

O SINPAF continuará vigilante em defesa dos direitos dos trabalhadores e trabalhadoras da categoria!

Fonte: SINPAF, disponível em http://www.sinpaf.org.br/index.php/comunicacao/noticias/1336-sinpaf-cobra-a-embrapa-definicao-para-o-acordo-coletivo-da-categoria