Trabalhadoras(es) participam de atividades no Dia Nacional de Luta em Defesa da Previdência Social

Trabalhadoras(es) reunidos em assembleia, no Quiosque da Associação dos Empregados da Embrapa Meio Ambiente (Jaguariúna/SP), na manhã desta sexta-feira, 22, discutiram aspectos do projeto de reforma da Previdência proposto pelo Governo. Questões como a capitalização  e a experiência desastrosa do Chile foram debatidas.

As reflexões envolveram também o cenário nacional, iniciativas para enfraquecimento do Estado e ameaças ao estado democrático de direito, entre outros.  Assuntos específicos da Embrapa também surgiram no debate, com questionamentos sobre a falta de transparência da gestão.

Um dos pontos fortes da discussão foi a necessidade de organização e mobilização da sociedade para barrar essa reforma que foi proposta. 

A AGE foi realizada pela SSCJ, conforme edital da DN, dentro do Dia Nacional de Luta em Defesa da Previdência Social. Logo após a assembleia, um grupo de trabalhadoras(es) foi até a região central de Jaguariúna conversar com a população sobre o projeto da reforma e os riscos que essa proposta representa.

As atividades da SSCJ continuam na parte da tarde, em Campinas. A concentração no Largo do Rosário Marielle Franco está marcada para às 16h30 e o ato está previsto para ter início às 18 horas.

Participe!