Números diários de mortes mostram que a covid-19 é mais letal do que o câncer e as doenças do aparelho circulatório, como o enfarte

Rede Brasil Atual

Com 541 mortes registradas em 24 horas, o Brasil ultrapassou neste domingo (2) 94 mil mortes pela covid-19. Segundo números do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), o país totaliza 94.104 mortes de covid-19 durante a pandemia.

Isso já representa muito mais do que outros males que acometem o país. O trânsito, por exemplo, mata cerca de 40 mil pessoas por ano.

Os números diários de mortes mostram que a covid-19 mata mais que o câncer e as doenças do aparelho circulatório, que incluem os enfartes, com respectivamente 613 e 258 mortos por dia, em média, em 2019. Na última semana, a média de mortes diárias pela covid-19 foi de 1.011.

Até às 18h deste domingo (2), o Brasil registrou 2.733.677 casos confirmados de covid-19. Nas últimas 24 horas, foram 25.800 mil novos casos e 541 novos óbitos. A taxa de letalidade brasileira é de 3,4% e a de mortalidade, 44,8 por 100 mil habitantes.

O estado que mais registra números absolutos de casos e mortes continua a ser São Paulo, com 558.685 mil casos e 23.317 óbitos. Ceará também continua na posição de segundo com mais infectados (176.580) e está em terceiro em óbitos (7.709). Rio de Janeiro aparece em quarto lugar nos dados absolutos de infecções (167.225), mas aparece em segundo lugar nos números de óbitos, com 13.572 mortes.

O que é o novo coronavírus?
É uma extensa família de vírus causadores de doenças tanto em animais como em humanos. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), em humanos, os vários tipos de vírus podem provocar infecções respiratórias que vão de resfriados comuns, como a síndrome respiratória do Oriente Médio (MERS), a crises mais graves, como a síndrome respiratória aguda severa (SRAS). O coronavírus descoberto mais recentemente causa a doença covid-19.

Como ajudar quem precisa?
A campanha “Vamos precisar de todo mundo” é uma ação de solidariedade articulada pela Frente Brasil Popular e pela Frente Povo Sem Medo. A plataforma foi criada para ajudar pessoas impactadas pela pandemia da covid-19. De acordo com os organizadores, o objetivo é dar visibilidade e fortalecer as iniciativas populares de cooperação.

(Com informações do Brasil de Fato)

FOTO: Pixabay

Fonte: Rede Brasil Atual, disponível em
https://www.redebrasilatual.com.br/saude-e-ciencia/2020/08/brasil-supera-94-mil-mortes-pela-covid-19-com-media-diaria-de-1-011-vitimas/